Partes de mim - Amazon
Facebook Google+ Twitter Youtube

Escolha sua poesia

Desejo|Mágica|Toque(D)|(Sem) Destino|Adeus|Alfazema|Amanhã|Amiga|Angustiante|Assassínio|Assim|Beleza e dor|Benditas Mulheres|Boa noite|Breve|Breve história de uma vida|De amor, descanso|Decisão|Despedida|Despercebido|Desvario|Débora|Em parte|Encontro (a imagem)|Enganar-se|Expleo explevi expletum|Fim|Fuga|Humildade|Iguais|Incerteza|Inexistir|Inspiração|Instante|M'Ausência|Mal de amor|Marcas|Minhas mulheres|Nova amizade|O que me resta?|O que será?|O revés de um beijo|Oceano|Ontem|Oração de amor|Para sempre|Passado presente|Passagem|Pequena|Poema das ondas|Poema do deixar de ser|Por um instante|Quando eu me for|Reencontro|Separação|Ser|Sereias|Seu(D)|Sinfonia|Socorro|Sonho a dois|Sou|Te|Tela|Tempo|Transição|Tristeza na noite|Visão do mar|Você|Zen|

Transição

Se for compartilhar, ressalte o nome do autor: Alexandre Tavares Sergio

Mergulhei no ontem...
O som da luz da vela acesa
Aberta em viva cor que se espalhava amarelada
Ouvi sereno nas sombras projetadas
Por nossos corpos nas paredes brancas...
Espelhos refletindo as almas,
Loucura, sobriedade insana em pura lógica,
Ilogicidade do sentimento tão conhecido
E amigo na imortalidade do momento...
Havia música e não mais havia,
As notas soavam mudas pela noite quente
Que a chuva insistia em tentar molhar
E resfriar o calor que nos envolvia
Nos mantendo unidos, vivos para o mundo...
Amávamos o instante e nos amávamos
Naquelas horas que se vão perdidas
Naquelas horas que no tempo se esquecem
Naquelas horas simples, curtas, rápidas,
Fugacidade existindo plena...
Confusos estávamos nos descobrindo
Em gritos e sussurros inaudíveis para os que passavam
Pelas ruas aos nossos pés já lamacentas...
A noite caminhava rápida para o dia
E mesmo presos estávamos pelo suor que nos cobria,
Umedecia, criava grades das quais não desejávamos
Nada além da consciência de que eram presenças...
Movimentos, harmonia desarrumada nos lençóis
Que se iam e vinham sob nossas pernas
Enlaçadas, unidas transformando-se únicas...
No repente um alto som emana em força
E faz-se paz...
A vida ensina que o momento fugaz
Se vive em eternidade em sua chama
Que se apaga breve como a luz da vela
Que deixa que sua luz de viva cor e brilho aberto
Desapareça na dimensão do hoje...
Assim está escrito...