Partes de mim - Amazon
Facebook Google+ Twitter Youtube

Escolha sua poesia

Desejo|Mágica|Toque(D)|(Sem) Destino|Adeus|Alfazema|Amanhã|Amiga|Angustiante|Assassínio|Assim|Beleza e dor|Benditas Mulheres|Boa noite|Breve|Breve história de uma vida|De amor, descanso|Decisão|Despedida|Despercebido|Desvario|Débora|Em parte|Encontro (a imagem)|Enganar-se|Expleo explevi expletum|Fim|Fuga|Humildade|Iguais|Incerteza|Inexistir|Inspiração|Instante|M'Ausência|Mal de amor|Marcas|Minhas mulheres|Nova amizade|O que me resta?|O que será?|O revés de um beijo|Oceano|Ontem|Oração de amor|Para sempre|Passado presente|Passagem|Pequena|Poema das ondas|Poema do deixar de ser|Por um instante|Quando eu me for|Reencontro|Separação|Ser|Sereias|Seu(D)|Sinfonia|Socorro|Sonho a dois|Sou|Te|Tela|Tempo|Transição|Tristeza na noite|Visão do mar|Você|Zen|

O que me resta?

Se for compartilhar, ressalte o nome do autor: Alexandre Tavares Sergio

Do tempo que me resta
Quero apenas tempo
Para que um sorriso seja de novo visto
E sentido ao cair da noite
À troca de olhares
Quero ouvir a chuva na janela
Lendo aquelas páginas atrasadas
De um livro jogado à estante
Em meio a tantos outros
Quero ver mais uma vez pessoas
Pensando em suas vidas
Sem se dar conta do tempo
Que lhes resta (não)
Quero amar mais uma vez
Minhas amigas queridas
Beijando-lhes o rosto
Tocando-lhes os braços
Apertando-as contra o peito
Quero o vazio do dia frio
Um bom vinho e a música ao fundo
Dando vida à mornidão
Artificialmente alimentada
Quero sua boca
Emitindo os sons conhecidos
Na manhã corrida do dia que se inicia
Quero, ainda mais, ouvir meus filhos
Senti-los próximos
Beijar suas mãos
Quero ser apenas um homem
Apaixonado pelo que se tornou
Mesmo deixando de ser
O que projetou para o futuro
E se não for demais
Quero apenas
No tempo que me resta
Viver em paz
Feliz
Como se não me restasse mais tempo algum...